Vox Populi – 3

Nosso retrato em 2006 ganha novas e últimas revelações hoje. Mais da metade dos campineiros (53,6%) é a favor do aborto. E 63% aprovam aumentar o tempo de permanência das crianças no Ensino Fundamental. Onde já se viu? Nada de abrandar as penas dos condenados que têm bom comportamento (bom comportamento é obrigação; para mau comportamento, punição.) Outra muito boa: 74,1 defendem que o político que muda de partido deve perder o mandato (e não achar nunca mais!).

A Nova Campinas não deve ser tombada; o serviço militar não deve ser obrigatório; o voto deve e é preciso proibir torcidas organizadas nos estádios. Os clubes devem pagar pelos danos feitos por seus torcedores. Campineiros concordam com o Papa Bento XVI: nada de homossexuais nos seminários. Mas o governo deve oferecer tratamento veterinário gratuito para os bichos. Tanto que matar espécies de animais ameaçadas deve ser considerado crime inafiançável para 85% dos pesquisados. Maioria desaprova a venda de bebidas alcoólicas nos campi universitários.

Aqui, Campinas discorda do Papa: não é necessário o celibato para padre e freiras. Também discorda da delação premiada, da privatização total do ensino e de todas as rodovias. Mas querem privatizar os presídios. A internet não prejudica a produtividade do trabalho dos campineiros, mas 83,2% querem que o governo proíba a veiculação de pornografia na rede mundial (e se instalar um pornógrafo?). Campineiro é durão: menor deve ser julgado como adulto e corrupção tem de ser crime hediondo para 91,9%. A imunidade parlamentar precisa acabar e político que não cumpre promessa deve ser cassado – não seria melhor caçá-los?

As ruas do Centro não devem ser fechadas para beneficiar pedestres; a cidade é satisfatória para trabalhar na opinião de 70%. Mas a Justiça só é eficiente para 5% dos campineiros. A maioria já aceita alimentos transgênicos. Nada de Olimpíada nem Copa do Mundo no Brasil (para o Uruguai ganhar de novo?). A maioria aprova privatizar cemitérios: vamos pagar até para visitar defuntos?

O que é isso, campineiro!? A favor de censura na televisão!?

Escolas públicas de Campinas devem dar aulas de religião Já pensou na Babel? Padres, pastores, bruxos, gurus, rabinos, pajés, diáconos, bispas, catequistas, bispos…

Pregado no poste: “E os ateus?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *