Pra não dizer…

Puxa vida! Já vai pra quinze anos que a gente conversa aqui três vezes por semana e só agora me dou conta de que nunca falei de flores. Também, como tive o Geraldo Vandré como companheiro de página por um bom tempo, quem sou eu para falar de flores? E é muita pretensão falar sobre elas na terra das floriculturas Barão, Campineira (cadê você?), Tilli, Cambuí, Cláudia, Regina, Chamego, Flor de Ouro, Florali, Floríssima, Vila Verde, Floris Bella, Maria Flor, Kataoka, Mil Cores, Lírios do Campo (não fiam nem tecem…), Luiza, Xaxim, Raiz, Olga, Rosa Amarela (o mesmo perfume, a mesma flor…), Terra Nativa, Roana…

Quer ler e ver falar das flores? E aprender com elas? Achei o sítio da Luciana Leal (llealll@floresta.ufpr.br) – muito prazer! – do Laboratório de Paisagismo da Universidade Federal do Paraná. Entre! Parece perfumado. Ela ensina o que fazer com cada flor mês a mês.

Assim, neste mês de fevereiro, morena, enquanto o Carnaval te espera, tu podes plantar amor-perfeito, anêmonas, angélicas, boca-de-leão, borboletas, capuchinhas, cosmos, crisântemos, damas-entre-verdes, dálias, junquilhos, lobélias, malmequer, miosótis, rabo-de-raposa, rainhas-margaridas, saudades, sempre-vivas e tremoço-de-cheiro. ???. Há uma chamada “assembléia”, coitada: tirei da lista porque não confio.

Este é mês de admirar açafates, esporinhas, agapantos, angélicas, bico-de-tucano, copo-de-leite, flox-perene, heliotrópio, junquilhos, lírios-de-são-josé, margarida-branca, mil-folhas e estrelízia, além destas árvores e arbustos: magnólia, rabo-de-tucano, paineiras de flores róseas e róseo-pálidos, castanha-de-macaco e quaresmeira-roxa.

Vai começar a floração das quaresmeiras e das paineiras da Avenida Orosimbo Maia. Quer apostar como a repórter Teresa Costa, terror dos medíocres, vai fazer uma reportagem mais bonita do que as árvores? Segundo ela, todas estão com a morte anunciada.

Pregado no poste: “Praça dos Três Poderes ou dos Três Podres?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *