Pague, cale-se e vote

O Gabinete da Vice-Presidência da República reservou no orçamento R$ 14,6 mil, para comprar 108 ternos completos, com corte italiano. Mais R$ 14,5 mil para 196 camisas sociais lisas de manga longa, 71 cintos, 112 sapatos em couro, 212 meias masculinas e 103 metros de tecidos estampados variados.

A Secretaria de Administração da Presidência da República reservou dinheiro para a cozinha: R$ 30 mil para 2,1 mil talheres, 10 chapas assadeiras, 47 bules para coador, 12 açucareiros, 10 leiteiras, 10 chaleiras, 10 manteigueiras, 10 garrafas térmicas, 12 galheteiros, cinco tabuleiros, dois raladores, caixas plásticas, 10 jarras etc.. Mais R$ 37,7 mil para comprar 200 pratos, 2,8 mil pires e mais de três mil xícaras em porcelana.

O Supremo Tribunal Federal vai gastar R$ 1,6 milhão com 11 Omegas de motor 3.6, V6. Cada um custa R$ 145 mil. “Coincidência ou não, o STF é composto exatamente por 11 ministros. E comprometeu R$ 15,9 mil com a compra de 20 aparelhos de fax.”. Empenhou R$ 3,7 mil em “veludo alemão, liso, preto, medindo 1,50 metro de largura, confeccionado em tecido natural macio e brilhante com aspecto peludo de primeira qualidade, impermeabilizado, com seu lado avesso liso e o lado externo coberto de pelos cerrados e curto”.

A Câmara empenhou R$ 583,3 mil para reformar as áreas comuns e externas de imóveis funcionais dos parlamentares. Não é tudo: reservou R$ 36,3 mil com a compra de 55 sofás — 35 de dois lugares, cinco de três e 15 individuais (à un, à deux, à trois?).

E o Senado? Empenhou R$ 8 mil para 30 estojos contendo seis xícaras em cada, com desenho de azulejos de Athos Bulcão, do painel Ventania.

Agência Brasileira de Inteligência (Abin) separou R$ 11,7 mil nos últimos dias com a compra de 4,2 mil lâmpadas fluorescentes.

A Base Aérea da FAB em Anápolis quer R$ 7,1 mil para comprar trompetes, clarinetas, flautas, trompas e saxofones.

A de Belém empenhou R$ 3 mil para 44 canecas portuguesas. Cada uma saiu por quase R$ 22,00. Mais 43 conjuntos de canetas e lapiseiras com gravação a laser “em estojo de luxo” e 43 canetas laser. Além disso, a unidade reservou mais R$ 13,1 mil com a compra de nove computadores.

Está tudo no site “contasabertas.uol.com.br”. Nossa Prefeitura e a Egrégia de Vereadores podem mostrar, para o povo obrigado a pagar, as compras que fez nos últimos 12 meses? Antes da eleição, por favor.

Pregado no poste: “Vote no 99; noves fora zero”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *