O povo do Culto mandou avisar!

“Olá, Moacyr,

Notícias da festa de 130 anos:

Vamos cobrir o campo com uma superlona branca de 100×20 metros mais infra-estrutura: banheiros, palco, luz etc..

Temos de nos preparar para fazer tão bonito quanto o nosso querido ‘Cultão’ sempre mereceu. Vá ‘pregando no poste’, que será muito bom!

Alguns flashes:

Dia 22 de novembro, todas as dependências do colégio serão abertas para visitação (e recém-reformadas!). O telhado e madeiramento foram trocados. Vale a pena verificar in loco, quando você vier. A reforma é feita pelo governo do Estado.

Com toda a escola aberta (vamos colocar luzes e som em tudo, para criar um superclima), o trânsito será em direção à entrada principal, na Rua Culto a Ciência, estacionamentos, e outra entrada, secundária, pela Rua Delfino Cintra, para facilitar a visitação ao auditório. Haverá painéis com fotos da escola por todos os caminhos. Pelo corredor principal, o ‘túnel do tempo’, todos verão a nova biblioteca e relembrarão o terrível arco que ia para as salas do doutor Telêmaco, da dona Celina… Agora, aqueles cômodos são salas de aula. (Maldade: o que deve dar de assombração nos coitados dos alunos, não é brincadeira. Principalmente o ‘fantasma cusparão’…).

No fim do corredor, indo para o ‘pátio das meninas’, será o culto ecumênico, pelas 11 horas, e ali ficará a recepção. Em um túnel de pirâmides brancas, sob a proteção das nossas antigas e gigantescas árvores, vamos até o campo, todo coberto pela lona branca. Sob ela, todas as comodidades e grandes novidades. Ao serem confirmadas, vou avisando. Por exemplo: será que conseguimos uma tenda para o legítimo ‘pastel do Voga’? Mais: porco no rolete, crepes e os tradicionais espetinhos. Tudo como muita ‘cerva’, ‘refri’ e duas grandes mesas de frutas.

Quanto ao preço, para não ficar caro, desmembraremos os custos. O objetivo é fazer a maior festa, deste tipo, que a cidade já viu e, assim, conseguir adesões do ex-alunos e simpatizantes em colaborar com R$ 10,00 por mês (uma merreca, não?!) para que a Sociedade Amigos do Culto à Ciência mantenha a chama piloto da esperança.

Ah! Ia me esquecendo: arrumei uma foto de satélite da região do Culto, com o pessoal da Embrapa Satélite. Bem, o tamanho da copa da nossa árvore ao lado do ginásio de esportes ‘Alberto Krun’ é igual à área de cobertura do ginásio. Imensa! Vale a pena vê-la.

Saudações, Roberto Zammataro”

Zammataro, não se esqueça de não convidar os políticos. Nossa escola quase morreu por culpa deles.

Pregado no poste: “Campineiros sabem fazer!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *