No céu

Quase todas as fazendas brasileiras têm nome de santos e santas, porque, seja o que Deus quiser, o sucesso da colheita depende de São Pedro, que faz chover; de Santa Clara, que faz parar; e de Santa Bárbara, que protege dos raios a criação, as árvores, as matas e os lavradores.

Vêm da História Sagrada, também, os nomes de 96 das 645 cidades paulistas. São 23 santas, 37 santos e uma cidade chamada Santos, para nenhum dizer que foi esquecido. (Eu é que não iria me esquecer — ainda mais 48 horas depois do Dia de Todos os Santos). Santo Antônio ganha de 6 X 5 de São João e de São José. Nossa Senhora, viva ela!, é madrinha de dez municípios.

Por mais esforços que fizessem os jesuítas para catequizar os silvícolas, não houve jeito. Os nomes indígenas ganham disparado na preferência dos fundadores na hora de batizar suas paragens. Tanto que a cidade de Queluz, no Vale do Paraíba, ficou com esse nome, porque era assim que os índios puris chamavam a cruz. Interessante.

Oremos:

Águas de Santa Bárbara, Águas de São Pedro, Amparo, Analândia, Aparecida; Aparecida d`Oeste, Assis; Bom Jesus dos Perdões, Capela do Alto, Cássia dos Coqueiros, Cruzália, Cruzeiro, Diadema, Dirce Reis, Divinolândia, Espírito Santo do Pinhal, Espírito Santo do Turvo, Fartura, Joanópolis, Mariápolis, Miguelópolis, Mogi das Cruzes, Natividade da Serra, Nazaré Paulista, Nova Aliança, Nova Canaã Paulista, Paraíso, Patrocínio Paulista, Piedade, Pirapora do Bom Jesus, Promissão, Queluz, Reginópolis.

Santa Adélia, Santa Albertina, Santa Bárbara d`Oeste, Santa Branca, Santa Clara d`Oeste, Santa Cruz da Conceição, Santa Cruz da Esperança, Santa Cruz das Palmeiras, Santa Cruz do Rio Pardo, Santa Ernestina, Santa Fé do Sul, Santa Gertrudes, Santa Isabel, Santa Lúcia, Santa Maria da Serra, Santa Mercedes, Santa Rita d`Oeste, Santa Rita do Passa Quatro, Santa Rosa de Viterbo, Santa Salete, Santana da Ponte Pensa, Santana de Parnaíba.

Santo Anastácio, Santo André, Santo Antônio da Alegria, Santo Antônio de Posse, Santo Antônio do Aracanguá, Santo Antônio do Jardim, Santo Antônio do Pinhal, Santo Expedito, Santópolis do Aguapeí, Santos, São Bento do Sapucaí, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São Carlos, São Francisco, São João da Boa Vista, São João das Duas Pontes, São João de Iracema, São João do Pau d`Alho, São Joaquim da Barra, São José da Bela Vista, São José do Barreiro, São José do Rio Pardo, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Lourenço da Serra, São Luís do Paraitinga, São Manuel, São Miguel Arcanjo, São Paulo, São Pedro, São Pedro do Turvo, São Roque, São Sebastião, São Sebastião da Grama, São Simão, São Vicente, Sebastianópolis do Sul, Socorro e Vera Cruz.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *