E nós pagamos

         Uma estudante do ensino fundamental me telefonou para reclamar que entrou em contato com o serviço de atendimento ao cidadão da Prefeitura de Campinas (156), para fazer um trabalho escolar, e foi mal atendida. Era no tempo em que esta cidade tinha um prefeito de nome Jacó. Tudo o que a menina precisava era o nome do vice-prefeito da cidade, mas os atendentes se recusaram a falar o nome, porque não davam “esse tipo de informação por telefone.” Testei. Para mim, a exibição de vadiagem e desonestidade foi a mesma. Ainda tiveram a cara-de-pau de confessar: o vice (seo Toninho) tinha brigado com o titular (seo Jacó) e, portanto, estavam proibidos de falar sobre o vice. Ninguém foi punido nem preso (deviam ficar na cadeia até o fim da vida, porque a mais injusta das canalhices é a que se comete contra crianças).

         Passada essa ira, da qual não me esqueço, eis que…

… mas Deus queira que ninguém precise consultar o Centro de Documentação e Informação da Câmara dos Deputados. São atenciosos e rápidos, mas não avisaram que é bom ao consulente (que palavra!) fazer um curso especializado, para entender a resposta.

Um amigo desavisado, formado em Direito no País das injustiças, perguntou: “Gostaria de ter acesso aos debates (anais) da Constituinte de 1987-88, relativamente ao tema ‘meio ambiente’. Entretanto, estou com sérias dificuldades para realizar a pesquisa, pois pelo visto, os anais não se encontram organizados por temas. Apenas encontram-se diários de sessões por datas. É isso? Podem me ajudar? Ou me esclarecer? Atenciosamente, fulano de tal”

A resposta é para quem está perdido num labirinto – e não quer sair:

“Em atenção à solicitação enviada, encaminho em anexo arquivo com as datas de publicações das reuniões da Comissão da Ordem Social e sua Subcomissão de Saúde, Seguridade e Meio Ambiente (Sub VII B). O segundo arquivo, que dispõe somente sobre as audiências públicas, possui um breve resumo do que foi tratado e o nome do expositor que participou da audiência. Utilize a data fornecida no primeiro arquivo para consultar a audiência pública no Diário. A consulta, tanto das reuniões como das audiências, deverá ser feita conforme orientações do arquivo ’08 – Atas das Reuniões das Comissões – Pesquisa nos DANCs’. Para acessar o anteprojeto apresentado pela Subcomissão, siga as orientações do arquivo ’09 – Anteprojeto das Subcomissões – Pesquisa nos DANCs’.”

Essa gente lá vive às custas do dinheiro que o governo toma do povo. Eles, moralmente, têm obrigação de fazer o trabalho que mandam o pobre interessado se virar. Ninguém é obrigado a entender a terminologia daquela estrumela.

Pregado no poste: “Na ditadura, religioso americano na Amazônia era agente da Cia. Hoje, é defensor dos direitos humanos”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *