Afinal, ele mudou de nome?

O Beto Zini Lorenseis Farah, antigo Geraldo Falchi Trinca Filho, ataca novamente, mas desta vez encontrou respostas de uma “adversária”. Segundo ele, só as mulheres entendem:

  1. Por que é bom ter cinco pares de sapatos pretos.
  2. A diferença entre creme, marfim e bege claro.
  3. Que chorar pode ser divertido.
  4. Roupas soltas.
  5. Como uma salada, bebida diet e um sundae de chocolate fazem um almoço equilibrado.
  6. Que descobrir um vestido de marca em oferta pode ser considerado uma experiência de vida.
  7. A inexatidão de toda balança em que elas se pesam.
  8. Que achar o homem ideal é difícil, mas achar um bom cabeleireiro é praticamente impossível.
  9. Por que um telefonema entre duas mulheres nunca dura menos que 10 minutos.
  10. E só as mulheres entendem… as outras mulheres!

Em compensação, aí está a reação da “adversária” Beth Fernandes Corbalan, em forma de perguntas que ela mesma responde, talvez por experiência própria, de profunda observadora dos homens:

P – Quando um homem mostra que tem planos?

R – Quando ele compra duas caixas de cerveja.

P – Qual a diferença entre um homem e uma manga verde?

R – A manga amadurece.

P – Por que as piadas sobre loiras são tão curtas?

R – Para que os homens consigam lembrar delas.

P – Quantos homens são necessários para trocar um rolo de papel higiênico?

R – Não sabemos, nunca aconteceu antes!!!

P – Por que as mulheres casadas são mais gordas do que as solteiras?

R – A solteira chega em casa, vê o que tem na geladeira e vai pra cama; a casada vê o que tem na cama e vai pra geladeira.

P – Por que é tão difícil achar homens bonitos, sensíveis e carinhosos?

Porque normalmente eles já têm namorados.

R – Como se chama a mulher que sabe onde seu marido está à noite?

P – Viúva.

R – Como fazer um homem executar cem abdominais?

R – Colocando o controle remoto entre os dedos do pé.

P – O que há em comum entre homens que freqüentam bares de solteiros?

R – Todos são casados.

P – O homem perguntou a Deus: “Porque fizeste a mulher tão bonita?”

R – “Para que você pudesse amá-la.”

P – “Mas por que a fizeste tão burra?”

R – “Para que ela pudesse amá-lo.”

P – Qual a semelhança entre um homem e um espermatozóide?

R – Ambos têm uma chance em um milhão de se tornarem seres humanos…

Pregado no poste: “Se quiserem continuar a briga, só na seção de cartas.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *